Economize na hora de Organizar uma Festa Infantil

Olá, boa tarde a todos…como de costume, hoje vamos dar mais algumas dicas, mas dessa vez é para o bolso dos pais.

Na hora de organizar um evento voltado ao público infantil, eles sempre vem à tona. Sejam super-heróis, vilões, fadas, não importa. Personagens consagrados são presença constante em festas, para a alegria dos convidados e das empresas que exploram o licenciamento destes seres que povoam desenhos animados, filmes e livros.

“Quero que a minha festa seja toda de princesa”, ou “quero que o meu aniversário seja de fórmula um”. Frases como estas são comuns para pais que costumam comemorar com festa o aniversário dos pimpolhos. Até mesmo em eventos corporativos, áreas voltadas aos pequenos são decoradas com personagens ou temas específicos. Mas, é preciso ficar atento. Um tema, digamos, “festivo”, pode levar a outro nada animador: o estouro do orçamento. Afinal de contas, caprichar em uma festa temática não sai barato. E a conta sobe de acordo com a qualidade do material e da popularidade do tema escolhido. Em relação a uma festa comum, sem tema, um evento decorado e com a presença de personagens pode sair até três vezes mais. Saiba como fugir das armadilhas:

1) As primeiras festas de aniversário são decididas e organizadas pelos pais ou responsáveis. A criança não participa ou, melhor, não “decide” ou “faz questão” disso ou daquilo. Esta é sua chance de começar com o pé direito. Para as primeiras festas, seja criativo e escolha temas neutros, porém divertidos e coloridos. Por que? Mais adiante, a criança vai ver as fotos e filmagens desta comemoração e não verá nenhum personagem marcante e, sim, temas marcantes. Assim, ele cresce sem aquela pressão, interna, de ter sempre o personagem “da hora” na próxima festa. Alguns temas que sempre agradam os pequeninos: circo, fórmula um, fazenda, aquarela, pôneis, mágica, praia, zoológico.

2) Se mesmo assim a criança, já maiorzinha, fizer questão de um determinado personagem, tente fazê-la entender o significado desta escolha. Uma dica é explicar o custo desta opção. É uma negociação dura, mais ou menos assim: “se você optar por este personagem, vamos gastar o dobro com a sua festa e você terá que abrir mão de alguns convidados e de itens como cama elástica e piscina de bolinhas”. Se você ceder, vai arcar com gastos extras.

3) Cuidado para não levar gato por lebre. Personagens e temas consagrados são caros e muito requisitados. Confira se o material fornecido é de boa qualidade e não está gasto pelo uso frequente. Painéis danificados quebram facilmente e isto estraga qualquer evento. Exija materiais novos, você está pagando por isso.

4) Por fim, não subestime os pequenos. Eles podem não ter altura, ainda. Mas são expertos o suficiente. A partir de uma certa idade, lá pelos cinco anos, eles passam a compreender bem a proposta de uma festa temática. Portanto, evite enjambrações. Eles percebem. Se o orçamento estiver apertado, opte por um tema mais simples ou por uma festa sem tema. É arriscado incrementar o material locado com “criações caseiras”.

 

Algumas opções de decorações super criativas e mais baratas que os “temas”…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Agora mãos a obra, aproveite a festa e gaste pouco!

 

Equipe Super Brinquedos,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s